Blog do Naça - Formação Continuada busca qualificação profissional em todos os níveis de ensino

IMG_7202Elaboração de sequências didáticas e reflexões com foco na linguagem verbal e no conhecimento matemático foram alguns dos assuntos abordados em mais um encontro de Formadores promovido pelo Colégio Nacional, no último sábado (28/03). O evento, que aconteceu na unidade do Pré-Vestibular e no Ensino Médio, contou com a participação de profissionais de todos os níveis de ensino.

O objetivo da formação continuada com Gestores, Coordenadores Pedagógicos, Professores, Auxiliares e futuramente Equipe de Apoio à Ação Educativa, segundo Cleide Cabral Alvares, consultora pedagógica, é a busca pela qualificação em serviço desses profissionais para melhoria do trabalho prestado à comunidade discente e apropriação dos fundamentos teóricos – metodológicos do Programa “Tem Jeito Sim”, com seus Projetos “Eu” para a Educação Infantil, Projetos “Eu Em” e “Eu Com”, para o Ensino Fundamental e o Projeto “Eu Para”, voltado ao Ensino Médio.

De acordo com a formadora Regina Célia, responsável por ministrar as atividades para o núcleo de Educação Infantil, o encontro é muito produtivo, porque é durante a Formação que as diretrizes e a maneira como elas serão aplicadas em sala de aula são definidas. “Há a reflexão sobre quais conteúdos serão desenvolvidos, que expectativas de aprendizagem serão inseridas, quais intervenções são necessárias, que ampliações eu posso fazer em conexão com o conceito matemático”, comenta.  

Para Sumaia, formadora da Educação Infantil e Ensino Fundamental I e II, esta atividade deve existir na educação como um todo e destaca o trabalho feito pelo Colégio. “Nós vemos o investimento do Nacional com a mesma perspectiva das politicas públicas. Então aqui é um espaço de avanço pessoal, profissional, que nos permite continuar nos alimentando de novas teorias, repensando o currículo escolar de forma coletiva; coletivo no sentido da reunião dos professores das mesmas áreas especializadas, mas com possibilidade também do olhar interdisciplinar que é o foco do nosso projeto, da nossa Formação”, ressalta.

Regina destaca ainda a importância da comunicação e da troca de informação no ambiente escolar a fim de estimular um pensamento ao invés de oferecer uma resposta engessada ao aluno. “Existem necessidades de compartilhar, dialogar, até por essa necessidade da aprendizagem, da leitura, da observação. Então eu necessito de um educador ou de uma sala de aula onde permaneçam mais fortemente essas articulações, onde eu possa ouvir a pergunta do outro, e não eu, educador, ter a pergunta e a resposta”, disse.

Este foi o primeiro encontro de muitos que virão em 2015. “Estamos em nosso quarto ano de formação continuada e a resposta ao trabalho, tem se configurado na qualificação e atuação dos Professores e Coordenadores Pedagógicos, além do desempenho e desenvolvimento dos alunos”, conclui Cleide.

 

Confira Galeria de Imagens:

IMG_7223