Notícias - Educadores do Nacional vão ao Seminário Internacional da RedSOLARE Brasil

IMG_20151015_185312525O Nacional valoriza a Educação em suas mais distintas formas, para isso, nada mais importante do que aprender com quem já sabe. Foi pensando assim, que três educadoras e um dos proprietários do colégio participaram do Seminário Internacional RedSOLARE Brasil, realizado entre 15 e 17 de outubro, no povoado do Vale do Capão, localizado em Palmeira, na Chapada Diamantina.

Cleide Cabral, Marilda Rodrigues, Stoessel Ribeiro e Terezinha Carrara viajaram até o interior da Bahia para compreender o sistema Reggio Emília de Educação Infantil e a concepção de infância segundo os preceitos de Loris Malaguzzi. Neste método, o protagonista do ensino é a própria criança, que segundo suas observações e seus desenhos, guiam um processo de construção de conhecimento, mesmo antes de estarem alfabetizadas.

Este modelo nasceu após a Segunda Guerra Mundial, na cidade italiana de Reggio Emilia, que optou por investir o restante de seus bens e o valor obtido na venda de artefatos de guerra, como tanques alemães, na construção de escolas. O educador Loris Malaguzzi imortalizou o método, que conta com_20151015_195449 laboratórios que exploram as possibilidades de linguagem gráfica e pictórica, corporal, de manipulação, verbal, não-verbal e icônica, desenvolvendo o explorador que há dentro de cada criança.

Por meio da pesquisa, produções artísticas e textuais, observação, discussão, entrevistas e explorações, as crianças experimentam o mundo ao redor e possibilitam uma construção de conhecimento em conjunto com seus familiares, uma vez que, diferente da educação tradicional, esta engloba a família em todas as partes do processo, com os pais entrando em sala e brincando com os filhos.

“Nosso interesse nesse seminário esteve voltado para a apropriação dos princípios e valores de uma filosofia em prol da infância”, disse Cleide Cabral. O evento promoveu o aprofundamento sobre os conceitos de Projetação, Documentação e Comunidade Aprendente.

O Colégio Nacional, através de sua equipe técnico-pedagógica, vem pesquisando o que há de mais avançado no trabalho de Educação Infantil, constituindo entre professores, pais de alunos e  pessoas do entorno da  escola, a  “Comunidade Aprendente”, que pretende adotar uma filosofia voltada à infância e para a infância.