Notícias - Programa de Educação Nutricional

O ato de comer é encarado, geralmente, como algo corriqueiro e prazeroso, mas, além disso, pode ser entendido como uma prática altamente consciente. Diversos pontos podem ser considerados, tais como nutrição e saúde, meio ambiente e sustentabilidade, a procedência, os meios e mecanismos de produção, o consumo, o processo de globalização, as relações humanas. 

O Lanche Coletivo do Colégio Nacional foi elaborado levando em consideração diversos pontos que compõem esta complexa atividade humana. Foram elencados cinco pontos principais para proporcionar aos estudantes uma alimentação nutritiva em um ambiente agradável. Pedagogicamente, buscamos despertar o olhar para questões mais amplas como sustentabilidade, respeito ao outro e igualdade social. Esses pontos estão destacados na imagem abaixo e descritos a seguir de forma mais detalhada.

 

  • SUSTENTABILIDADE

A alimentação é uma atividade que envolve muito mais que o ato de comer e a disponibilidade de alimentos. Há uma cadeia de produção, que se inicia no campo, passando por ciclos, do plantio à colheita, em que elementos da natureza têm um papel crucial, envolvendo questões tecnológicas, financeiras e sociais.

No campo, a questão da sustentabilidade parece clara, mas ela é também um fator crucial no que diz respeito às embalagens e ao uso de descartáveis. A sustentabilidade deve ser considerada tanto no processo de produção de alimentos, quanto em seu consumo.

O Lanche Coletivo foi planejado considerando os três principais pilares da sustentabilidade, o ambiental, o econômico e o social. Estes aspectos podem ser observados por meio de diversos pontos:

– Produção de alimentos dentro da unidade escolar, reduzindo a necessidade de embalagens;
– Utilização de frutas frescas;
– Adoção de copos permanentes, eliminando os descartáveis;
– Higienização de copos e utensílios por meio de lavadoras industriais, gerando economia de 80% no consumo de água.

 

  • EQUIDADE

A Educação é fonte transformadora de futuros. Permitir que todos tenham total acesso a ela, é garantir a construção de uma sociedade mais justa e igualitária, na qual todos os seus cidadãos possam ter acesso e promover a cultura. Existe um processo histórico que reforça as desigualdades sociais, culturais, raciais e de gênero. Dentro do ambiente escolar, este processo pode acontecer durante o lanche, sendo que os estudantes possuem possibilidades diferentes na hora da compra do alimento. 

Assim, o Lanche Coletivo é também uma ação afirmativa para a igualdade, visto que oferece os mesmos produtos para todos os estudantes. A escola reconhece que ainda há muito para se fazer em prol de uma sociedade mais justa e acredita que por meio da educação e de ações afirmativas pode contribuir para a construção de um mundo melhor.

 

  • SAÚDE

A dieta alimentar de boa parte das crianças e adolescentes consiste, em sua maioria, em ultraprocessados, que contêm grande quantidade de açúcares, gorduras e sódio, com pequena  participação de frutas e hortaliças. Esse quadro reflete a manifestação cada vez mais precoce de doenças crônicas, como obesidade, diabetes, cardiopatias e hipertensão. Apresentar cotidianamente opções saudáveis e saborosas é fundamental para despertar o interesse por uma alimentação saudável, o conhecimento de diferentes tipos de alimentos e a busca de uma mudança de hábitos que contribua para a melhoria da saúde de uma forma global.

O Lanche Coletivo do Colégio Nacional tem em seu cardápio opções variadas e saudáveis que incluem frutas, leite, pães e outros alimentos naturais e/ou pouco processados. Os alimentos ultraprocessados não são utilizados pela escola devido ao seu baixo  valor nutricional e alta concentração de elementos prejudiciais à saúde humana. O cardápio do Lanche Coletivo é balanceado, nutritivo, variado, saboroso e regional.

 

  • CONVIVÊNCIA

A convivência na escola é um exercício social. Fortalece as relações e constrói laços. A vida em grupo possibilita crescimento, mas nem sempre a convivência é simples. Conviver é o desafio de encontrar harmonia nas relações, equilibrando objetivos individuais com visões de mundo diferenciadas. Diante disso, o respeito pelo outro torna­se fundamental para uma boa convivência. 

O Lanche Coletivo do Colégio  Nacional proporciona um espaço de convivência onde as necessidades individuais e coletivas devem ser levadas em consideração. A escola oferece um ambiente favorável para a boa convivência e cabe a cada um ser educado, se importar com o espaço e com as necessidades do outro, criando, desta forma, um ambiente agradável e harmonioso para todos.

 

  • CONSUMO CONSCIENTE

Consumir implica necessariamente uma escolha prévia. Essa escolha causa impactos, que podem ser positivos ou negativos, tanto para a vida de cada um, quanto para as condições de vida no planeta, considerando os aspectos ambientais, sociais e econômicos. As escolhas de consumo de cada um podem ajudar a construir um mundo social e ambientalmente melhor. O Consumo Consciente leva em consideração os impactos gerados por cada escolha.

Com o Lanche Coletivo, o Colégio Nacional escolheu oferecer a seus estudantes uma alimentação mais saudável e sustentável. Cabe a cada um  ampliar estas escolhas para outras esferas da vida, tornando o Consumo Consciente uma prática cotidiana e natural, com solidariedade, responsabilidade, participação social e cidadania.

 

  • ORIENTAÇÕES

– Pegue um prato, um copo e sirva seu lanche;
– Não desperdice!
– Abra espaço para que seus colegas também possam se servir;
– Descarte corretamente os resíduos que você gerou;
– Coloque os copos e pratos nos locais específicos para este fim.