acao

Ação da Cidadania

acao“A cultura apareceu para construir no campo arrasado, para levantar do chão tudo que foi deitado. O que importa é alimentar gente, educar gente, empregar gente. E descobrir e reinventar gente é a grande obra da cultura. Uma obra que será nossa.”

Herbert de Souza

O programa Ação da Cidadania foi idealizado pelo sociólogo Herbert de Souza, o “Betinho”, e nasceu em 1993, formando uma imensa rede de mobilização de alcance nacional para ajudar 32 milhões de brasileiros que, segundo dados do Ipea, estavam abaixo da linha da pobreza. O movimento partia de um conceito simples: solidariedade, todos nós podemos.

Criada no auge do Movimento pela Ética na Política, o Ação da Cidadania se transformou no movimento social mais reconhecido do Brasil. Seu principal eixo de atuação é uma extensa rede de mobilização formada por comitês locais da sociedade civil organizada, em sua maioria compostos por lideranças comunitárias, mas com participação de todos os setores sociais.

O Colégio Nacional disponibilizou seu espaço físico para a sede do Comitê de Mobilização da cidade de Uberlândia, do qual participou em parceria com um dos vários atores da sociedade. O comitê trabalhou para apoiar instituições e pessoas necessitadas por meio da arrecadação de alimentos, roupas e itens de higiene pessoal. Sua gestão, assim como toda a rede, era descentralizada, possibilitando um aprendizado fundamental sobre o trabalho colaborativo.

Hoje, 20 anos depois, a fase mais crítica da erradicação da fome no Brasil está encaminhada e o problema se transformou em política pública prioritária do governo federal. O Ação da Cidadania ainda realiza projetos e parte para a ampliação de sua atuação em direção à garantia dos Direitos Humanos. O recente movimento nas ruas de milhares de cidades do Brasil indica claramente que a população tem muitas formas de fome.

Acesse www.acaodacidadania.com.br e conheça o trabalho.